Início Notícia Voltar

Novo decreto manterá a suspensão das aulas presenciais em Santo Augusto

Em assembleia, Prefeitos da Amuceleiro decidiram por manter aulas presenciais suspensas nos municípios devido a pandemia

16/10/2020 14:58 por Maira Kempf


CapaNoticia

Pixabay


 


O Governo Estadual prevê o retorno gradual das aulas presenciais nas escolas estaduais na próxima terça-feira, 20.  Porém, a decisão final sobre o retorno das aulas – tanto na rede Municipal como Estadual e Federal – é dos prefeitos. 

 Na manhã desta sexta-feira, 16, a Associação dos Municípios da região Celeiro (Amuceleiro), realizou assembleia por videoconferência, e decidiu não retornar às atividades escolares presenciais na rede municipal e estadual.

De acordo com nota divulgada pela Associação, “a fim de possibilitar a retomada do ensino presencial com total segurança aos alunos e servidores, e, assim, evitar maiores prejuízos ao ensino, restou deliberado que os Municípios associados se comprometem a deliberar, em até 30 (trinta) dias, juntamente com a Coordenadoria Regional de Educação acerca dos protocolos a serem seguidos pelos pais, alunos e servidores, das logísticas de acesso, fluxos e transporte, bem como a se adequarem às medidas sanitárias necessárias ao retorno gradual das atividades escolares”.

A Secretaria Municipal de Educação e Cultura – SMEC informou que um novo Decreto Executivo será emitido na próxima segunda-feira, 19, mantendo a suspensão das atividades presenciais em Santo Augusto.

Em contato com as Escolas Estaduais Santo Augusto (Ginásio), Senador Alberto Pasqualini (CIEP) e Francisco Andrighetto (GRUPO), todas informaram que não receberam os Equipamentos de Proteção Individuais – EPIs anunciados pelo Governo do RS nesta semana. Os equipamentos são itens necessários para a retomada das aulas. 

A 21ª Coordenadoria Regional de Educação informou que estará avaliando os casos em que há decretos municipais que impeçam o retorno das aulas.

 

Abaixo, a nota da Amuceleiro: 



Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.


Ouça aqui

89.7 FM

Ouça aqui

91.5 FM

89.7
91.5